Bye bye, incandescentes!

23/06/2014

Foi boa enquanto era somente ela, mas agora???

lampada chorando

Consumidores preferem as fluorescentes, que gastam menos eletricidade e iluminam mais.

No varejo, a venda será permitida até junho de 2015

As lâmpadas incandescentes acima de 60 watts só poderão ser fabricadas ou importadas até o final do mês e deixarão de ser vendidas no varejo até junho do ano que vem. O consumidor terá obrigatoriamente que substituir as que queimarem pelas fluorescentes, halógenas ou de led. A medida, tomada pelo governo federal, é para reduzir o consumo de energia no País.

Em média uma lâmpada fluorescente consome ¼ de corrente em comparação a uma lâmpada incandescente quer dizer, uma lâmpada compacta fluorescente de 25 Watts equivale a uma lâmpada incandescente de 100 Watts. Sem contar com a durabilidade da lâmpada fluorescente que é de aproximadamente 8 vezes.

Os índices mínimos de eficiência luminosa fixado pela Portaria Interministerial 1.007 dos Ministérios de Minas e Energia (MME), da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), publicada em 31 de dezembro de 2010, para fabricação, importação e comercialização das lâmpadas incandescentes de uso geral em território brasileiro. De acordo com a portaria, a conversão de energia elétrica em luz e calor tem valores diferentes conforme a tecnologia: lâmpadas incandescentes – 5% luz e 95% calor, fluorescentes compactas – 15% luz e 85% calor, e led – 30% luz e 70% calor.

As lâmpadas incandescentes de 60 w a 100 w deixaram de ser fabricadas e importadas em junho do ano passado e devem deixar de ser comercializadas no varejo também até o final deste mês. As com potência superior aos 100 w foram proibidas ainda antes, entre 2012 e 2013. Até junho do ano que vem serão permitida a fabricação e importação das lâmpadas incandescentes de até 40 w, e a venda no varejo irão até junho de 2016.

No comercio as lâmpadas incandescentes ainda tem o seu preço bem inferior em relação a fluorescente compacta, próximo de 80%. Mas a sua substituição é viável o investimento comparando as economias futuras. O ideal é consultar o catalogo ou o lojista qual é a cor mais ideal para cada ambiente.

Equipe: REDES ELÉTRICAS

lampada chorando 2ENTÃO… TCHAU!

 


POSIÇÃO DE DISJUNTOR

12/06/2014

LIGAÇÕES ESQUERDO DIREITO

 

Pela regra da vida, existe um começo e um fim. Através deste principio devemos também cumprir criteriosamente todos os outros existentes.

Falando em disjuntor, é um acessório de proteção termo magnético utilizado em circuitos elétricos que tem a finalidade de proteger os equipamentos e os condutores. Como todo equipamento elétrico de proteção e comutação tem a entrada e saída, quer dizer o condutor de entrada é ligado no terminal de entrada e a sua saída no terminal de saída.

Ao abrir os olhos nos deparamos com situações que não nos deixa em duvidas por saber o que é correto. Vejamos alguns exemplos que talvez não nos cause nenhum dano. Ex. Ninguém veste uma calça pela perna e sim pela cintura, ninguém calça um sapato pelo calcanhar e sim pelos dedos dos pés e por ai vai obedecendo aos princípios da natureza.

Ninguém faz uma ligação hidráulica com saída de agua por cima da caixa e a entrada por baixo.

Quando algum produto característico de manobra é lançado, com certeza passou por muitos procedimento e testes, isso comprova que existe um começo e um fim.

Resumindo, ninguém faz uma leitura de baixo para cima.

Porque nós ELETRICISTAS temos que ir ao contrario da natureza?

 ENTRADA

disjuntor schneider.jpg 3SAIDA

Nas distribuições horizontal de um quadro com barramentos bipolar ou tripolar, a alavanca dos disjuntores deverá estar voltada para o centro do barramento na posição de ligado, mas alguns “eletricistas” insistem em instalar os disjuntores na posição inversa.

O correto é os disjuntores do lado esquerdo do barramento ficam com a alavanca voltada para o lado direito quando ligado e os disjuntores do lado direito do barramento ficam com a alavanca dos disjuntores voltados para o lado esquerdo quando ligado.

Veja exemplos;

 

LIGAÇÃO ENTRADA VERTICAL SAIDA HORIZONTAL

cicuito disjuntor schneider.jpg 2

cicuito disjuntor schneider.jpg 1

Não fique sem direção, consultem sempre os fabricantes de  disjuntores e seus dispositivos específicos.

Equipe: REDES ELÉTRICAS